A crase e a express√£o QUANTO A

A crase e a express√£o QUANTO A

A express√£o quanto a, que significa no que se refere a, relativamente a, √© composta de dois ¬†voc√°bulos, sendo o √ļltimo uma preposi√ß√£o¬†(a), o que a torna uma locu√ß√£o prepositiva. Como √© acompanhada da preposi√ß√£o a, quando a express√£o quanto¬†se ligar¬†a um substantivo feminino determinado, o a ser√° craseado¬†– lembrando que crase √© a jun√ß√£o da preposi√ß√£o a com o artigo definido a(s).



Exemplos:

Quanto à proposta de trabalho, terei de recusá-la.
[Quanto a (prep.) a (art.) proposta… = Quanto √† proposta.]


Quanto à construção, vai indo muito bem.
[Quanto a (prep.) a (art.) constru√ß√£o… = Quanto √†¬†constru√ß√£o.]


Quanto à minha filha, não a vejo há anos.
[Quanto a (prep.) a (art.) minha filha… = Quanto √†¬†minha filha.]


Importante:

O uso da crase¬†antes de pronomes possessivos (minha(s) tua(s), nossa(s)…) √© facultativa.