Furtado e roubado: entenda a diferença

Furtado e roubado: entenda a diferença

O furto acontece quando o ladrĂŁo subtrai algo de outra pessoa sem ter contato com ela, ou seja, sem uso da violĂȘncia.  JĂĄ o roubo acontece quando a vĂ­tima presencia a ação, ocorre violĂȘncia fĂ­sica ou psicolĂłgica. 

São crimes diferentes com puniçÔes distintas no Código Penal. O roubo é considerado mais grave perante a lei do Brasil.

Exemplos:

“Os assaltantes roubaram a loja durante o expediente.”
“O proprietário teve o carro furtado junto com o veículo.”
“Dois ladrĂ”es roubaram dinheiro do caixa da farmĂĄcia.”
“AlguĂ©m furtou dinheiro da minha bolsa enquanto eu estava trabalhando.”