Letra de forma ou letra de fôrma?

Letra de forma ou letra de fôrma?

Podemos escrever “letra de forma” ou “letra de fôrma” e ambos estarão corretos! A palavra forma (com a vogal o aberta – “ó”) como sinônimo de feitio ou para referir a forma conjugada do verbo formar e as palavras fôrma e forma (com a vogal o fechada = “ô”) como sinônimo de molde. A utilização do acento diferencial é facultativa desde a entrada em vigor do Novo Acordo Ortográfico.


Exemplos – forma (timbre aberto):

Mexer é a forma correta de escrita desta palavra, porque é com x e não com ch.
Sua boa forma é invejável!
A professora forma a fila dos alunos no pátio da escola.


Exemplos – forma (timbre fechado) ou fôrma:

Você tem alguma forma de bolo para me emprestar?
Você tem alguma fôrma de bolo para me emprestar?


Este sapato tem uma forma pequena.
Este sapato tem uma fôrma pequena.


Antigamente, o acento circunflexo era usado para diferenciar a palavra forma (o aberto) da palavra fôrma (o fechado). Contudo, a reforma ortográfica de 1971 aboliu a utilização de acentos diferencias, como em fôrma e forma, almôço e almoço, comêço e começo,… Assim, deixou de haver, na escrita, diferenciação entre forma (ô) e forma (ó), sendo a distinção das mesmas feita na oralidade e de acordo com o contexto da frase.


Segundo o Novo Acordo Ortográfico, que entrou em vigor em janeiro de 2009, o acento diferencial passou a ser facultativo, ou seja, podemos escrever fôrma ou forma (ô). Muitos defendem a necessidade de utilização do acento e outros defendem que se consegue fazer a distinção pelo contexto, devendo o acento ser utilizado apenas em caso de ambiguidade.